ÚLTIMAS

6/recent/ticker-posts

Nação assume liderança da Série C com goleada sobre o Orleans

Nação Esportes e Orleans se enfrentaram na tarde desta quarta-feira (16/12) pela 2ª rodada do Catarinense Série C. Em casa, no estádio Dr. Sadalla Amin Ghanem, o Nação não tomou conhecimento do time do Sul e venceu por 5x1.

O time de Joinville assume assim a liderança isolada da competição com 6 pontos em dois jogos e saldo de 7 gols. Já o Orleans amarga sua segunda derrota, já que perdeu na estreia por WO para o Itajaí por não ter o número mínimo de inscritos exigido pelo regulamento.

Na próxima rodada, no dia 20 de dezembro, domingo, o Nação vai à São João Batista enfrentar o Batistense, às 16h. O Orleans joga novamente fora, desta vez contra o Jaraguá, no João Marcatto em Jaraguá do Sul, no mesmo dia e horário.

O jogo

Marcado inicialmente para às 16h, o jogo iniciou com 15 minutos de atraso. O Orleans demorou a chegar em Joinville, devido a um acidente da BR 101. 

Mostrando força de quem deve brigar pelo acesso, o Nação não teve dificuldades para construir a vitória diante do Orleans, que claramente foi à Joinville para tentar segurar a partida. 

Só que a estratégia já começou a ser desconstruída aos 6 minutos, quando Guilherme recebeu na esquerda e achou Jean Carlos dentro da área, que com muita calma, tocou na saída do goleiro Matheus abrindo o placar para o Nação. Aos 21, Vinicius pegou sobra na intermediária, lançou Jean Carlos na área, que de peito serviu Ardley para encher o pé e ampliar. Ainda na primeira etapa veio o terceiro. Aos 34', Renan cruzou pela direita e o camisa 10 Aldair apareceu sozinho para, de cabeça, marcar mais um.

No segundo tempo o Nação não tirou o pé e ampliou aos 10 minutos. Renan chutou cruzado e bola sobrou para Ardley dominar, driblar o goleiro e quase entrar com bola e tudo. Estava fácil e aos 15, Ardley tabelou com Vinicius pela direita, cruzou e lá estava Jean Carlos para fazer o quinto do Leão e o seu terceiro gol na competição.

O Orleans conseguiu descontar logo depois. Cebolinha arriscou de longe, mas a bola bateu no braço do zagueiro Rafael Favero. Pênalti que o zagueiro Rafael Berto cobrou, Paulo Sérgio defendeu, a bola bateu no travessão e o próprio Rafael aproveitou para fazer o gol de honra do Orleans.


Com informações de João Victor Pereira / Foto: Jean Venturi / Nação Esportes

Postar um comentário

0 Comentários